terça-feira, 22 de junho de 2010

"Falam de tudo. Da moral, do comportamento, dos sentimentos, das reações, dos medos, das imperfeições, dos erros, das criancices, ranzinzisses, chatices, mesmices, grandezas, feitos, espantos. Sobretudo falam do comportamento e falam porque supõem saber. Mas não sabem, porque jamais foram capazes de sentir como o outro sente. Se sentissem não falariam."

4 comentários:

Helcio Maia disse...

Se sentissem...falhariam, ao tentar falar mal...
se sentissem, até ririam e voltariam ao normal.

Angélica Lins disse...

Quem sente, não necessita de muita coisa mais...

:)

Eu adorei!

Thais Alves disse...

Concerteza , si conseguissem sentir si calariam com a profundidade do sentido .

Monikita disse...

haa se sentissem....com certeza calariam...=****