quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Simpatia - é o sentimento
Que nasce num só momento,
Sincero, no coração;
São dois olhares acesos
Bem juntos, unidos, presos
Numa mágica atração.

Simpatia - são dois galhos
Banhados de bons orvalhos
Nas mangueiras do jardim;
Bem longe às vezes nascidos,
Mas que se juntam crescidos
E que se abraçam por fim.

São duas almas bem gêmeas
Que riem no mesmo riso,
Que choram nos mesmos ais;
São vozes de dois amantes,
Duas liras semelhantes,
Ou dois poemas iguais.

Simpatia - meu anjinho,
É o canto de passarinho,
É o doce aroma da flor;
São nuvens dum céu d'agosto
É o que m'inspira teu rosto...
- Simpatia - é quase amor!

Casimiro de Abreu

6 comentários:

JasonJr. disse...

... :D :D :D ...

tainá viriato disse...

lindo (:
http://incompleta-imperfeita.blogspot.com/

Giovanna disse...

Amo esses versos do Casemiro, faz parte da minha coletânia de boas palavras...

linda foto, dá até pra tirar a receita e fazer igual para meus filhos.

Passei para uma visita e vou ficando.
até mais
Abraços
Giovanna

wcastanheira disse...

Lindo, bela escolha o Casimiro é quase inquestionável, vc optou por uma mensagem belíssima, por isso merece bjos, bjos e bjosssssssssss

AugustoCrowley disse...

Lindíssimo! Boa semana!

Luara Q. disse...

Adorei tudo que li aqui!