terça-feira, 8 de novembro de 2011

Minha vida offline tá tão parada quanto a online. Devo me preocupar ou continuo trabalhando e vivendo mecanicamente?

6 comentários:

Patricia Thomaz disse...

sim. Tem que continuar. Um passo de cada vez.
beijinhos.

' Keeyla Nayara. disse...

Tem que se preocupar menina!! O que nos move é o que fazemos diariamente. Penso assim!
Beijosmil
Boa tarde ;)

http://o-que-ninguem-ve.blogspot.com/

Leila Krüger disse...

Respirar com o pulmão te faz existir, respirar com o coração te faz viver. Respire mais!

Gostei daqui, tô seguindo!
Se puder passa no meu e segue:
http://leilakruger.blogspot.com

Em breve, dia 25/11, estarei lançando meu primeiro romance, uma história de superação, amor, poesia, música, com "trilha sonora" e "trilha literária" que toca nos grandes temas da vida. Uma história sobre como a vida pode nos surpreender e sobre como podemos abraçá-la, mesmo com braços cansados do lado de dentro. O hot site do livro estará no ar logo, e vou divulgar no blog.

Bjo!

Catarina* disse...

adorei, sigo

Débora Scucato disse...

Tem que se preocupar sim. Viver mecanicamente faz a vida passar ficando a sensação de que nada de especial se viveu... Mas acredito que é importante também sabermos respeitar as fases e os momentos diversos da vida...
Um ótimo fim-de-semana pra vc!
Bjinhos,

http://pensandoemretalhos.blogspot.com

Arthur Vasques disse...

Essa sensação é devastadora.Sei como é.Mas ó...relaxa,vai piorar.Larga tudo e dá uma de doida.Vais te sentir bem melhor,certeza.

Bjo Alice