domingo, 27 de novembro de 2011

"Adoro vocês, homens, sempre tão espertos, inteligentes, cínicos, piadistas, descolados, sexuais e livres. Adoro tanto que me tornei uma cópia quase idêntica, não fosse pelo meu útero carente e pelo meu decote que ainda grita, pedindo que eu seja um pouco feminina. Um pouco."

5 comentários:

Zilda Mara Peixoto disse...

Olá.Essa é minha primeira visita ao blog.Vi seu link em outro blog e resolvi vir conhecê-lo.Adorei seu blog e já estou lhe seguindo.Seu blog é muito bem organizado e suas postagens muito bem elaboradas.
Te convido a conhecer meu blog e segui-lo também.Aguardo sua visitinha!
Bjs!
Zilda Mara
http://www.cacholaliteraria.blogspot.com

Charles Canela disse...

rsss, esse pouco lado seu é tudo que precisamos para ficarmos maleáveis e receptivos para o amor

AugustoCrowley disse...

Nada como aprender que todos nós podemos falar numa linguagem diversa, adorei o post. Quem disse que as pessoas precisam assumir apenas um lado?

blessedwithacurse.blogspot.com disse...

adorei, meu deus !

Bruno Eleres disse...

Os comentários da Tati Bernardi são bem legais x_x
Conheci seu blog hoje.O vi no de um amigo meu.
Enfim, lhe convido para conhecer o meu =]

http://memorias-desnudas.blogspot.com/