quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

O meu amor por você é inédito. Novo e maduro - como pode? Penso, sinto e quero você. Hoje, amanhã e na medida sem fim do tempo [...] Quero vestir o seu abraço e sair com ele por aí, como um colete à prova de balas. Abraço longo, apertado, quente. Quero mais, me abrace mais. Mais um pouquinho. Vai sempre faltar abraço pra minha sede dele.
Sei que dentro de você moram sorrisos. Alguns você deixa escapar, os outros esconde no escuro, pra eu procurar. E eu gosto do jogo.
Gosto também das suas mãos nas minhas, das suas mãos tomando conta de mim.

8 comentários:

Ideia² disse...

Amei esse texto, lindo DE VERDADE!!
Blog atualizado,passa lá depois ;)
http://ideiaoquadrado.blogspot.com/
Beijos!!
@WelenMedeiros

*Erika Rayana! disse...

muito bom seu blog, amei!!! estou seguindo viu.
passa la no meu tbm

um bjo grande.

Juliana Dias disse...

Ah perfeito! Palavras de amor sempre me encantam! Não resisti em seguir teu blog.

Visite o meu!

Senhor da Vida disse...

Todo mundo de floripaaa, Aquele Abraço!

Patricia s2 disse...

linda selinho pra vc

Helen O. Faria disse...

Surpresinha pra você lá no meu blog!

http://meninasegredos.blogspot.com/2011/02/selos.html

Bjaum.*.*.

Lara disse...

Adorei o texto, adoro abraços... Vou seguir o blog. beijo

Jade M. disse...

seu blog é lindo! estou encantada,
já to seguindo.

beijos :*