quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Alice Ruiz

Pode haver um dia
em que a poesia
mude de endereço
deixe apenas tédio
mas enquanto isso
vem brincar comigo
vamos até onde
possa ser só riso
possa ir tão longe
possa ser tão lindo
pode ser brinquedo
pode ser tão sério.

10 comentários:

Sαbrinα disse...

há de chegar o dia.. *-*

Desirée disse...

adoreiiiiiii!

sério!

bjod :)

Ronei disse...

Olá, tem um “Selinho: Esse blog é super fofo...” que separei pra vc, pela admiração por seu blog.
Está no meu blog series da tv aberta.
http://seriesdatvaberta.blogspot.com/
http://seriesdatvaberta.blogspot.com/2010/01/selinho-esse-blog-e-super-fofo.html

Um abraço.

- Lara Alves disse...

Simplismente uma bela e rica definição da vida , do amor*-*
Beijos ;*

Hosana Lemos disse...

...enquanto isso vem me dar a mão!
*-*

simples e de uma grandeza linda!
adorei

=*

Luanne de Cássia disse...

Ah o amor *-*

Lucas disse...

A poesia não muda de endereço... nós é que nos mudamos dela de vez em quando...

Senhor da Vida disse...

Concordo com Lucas, a poesia esta sempre ali, esperando que nos entreguemos ao compasso, ao combinar de cada linha, ao convite sutil e por veses estrondoso de sua mensagem.
Belo blog, parabens!

Pequenas Epifanias disse...

lindo.

Susana disse...

Que lindo! Vou voltar com mais frequência ao teu moranguinho e às tuas estrelinhas! Beijos